4 de set de 2018

Leituras de setembro

Ultimate Marvel 54 - mais uma revista que ganhei, trazendo histórias da linha Ultimate Comics, achei estranho esse universo alternativo que nunca acompanhei. Um enlouquecido Reed Richards tortura e mata Antonio Stark (que sobrevive como uma inteligência artificial numa armadura (dã), enquanto Reed busca joias do infinito. E o Coisa vive um romance com Susan Storm? Em X-Men, Kitty comanda  a nação de Utopia, mas a manipuladora Jean Grey, na cidade flutuante de Tian, ataca o paraíso mutante, usando James Hudson, o filho de Wolverine,  e a mídia para forjar uma falsa ideia de que Kitty é uma terrorista. Vampira vive uma relação com a "Semente Sapiente"? Em Homem-Aranha, Miles Morales e a Mulher-Aranha encontram Granada (uma menina que explode, vítima de experimentos da companhia Roxxon).



O Espetacular Homem-Aranha 5 - revista de 2015, trazendo o final da série "Primeiros Passos", que mostra Peter Parker enfrentando o "Clash", vilão inventado há pouco que teria enfrentado o heróis em seus primeiros dias como Homem-Aranha. Depois, uma história na sequência da saga Superior, em que Peter tenta lidar com as consequências de ter sido substituído mentalmente por Otto Octavius. Ele se envolve com a tal "Teia de Seda". Essa cronologia do Homem-Aranha está cada vez mais zoada, ele voltou a ser adolescente depois de anos de história  onde casou, teve filha, foi professor, revelou a identidade, fez pacto com Mefisto, desfez toda sua história, é difícil ser leitor do Aranha de longa data e aceitar as mudanças! Fechando a edição, a versão 2099 do personagem deslocado no tempo e enfrenta o Escorpião! 







O Espetacular Homem-Aranha 6 - Enquanto a Gata Negra manipula Electro e tenta se tornar uma nova rainha do crime, o Homem-Aranha e Teia de Seda escapam do prédio onde J. Jonah Jameson quase desvenda a identidade do herói. Eles acabam salvando Electro e desativando seus poderes, mas convenhamos, a tal Teia de Seda está ali pra fazer tudo e Peter Parker está um verdadeiro boçal. Em seguida ele encontra Miss Marvel (Kamala Khan) e enfrentam a guerreira Kree Dra. Minerva, que se transforma numa enorme criatura após roubar habilidades de pessoas transformadas pelas névoas terrígenas. A edição traz também uma prévia para a saga Aranhaverso e o desfecho da aventura do Homem-Aranha 2099, onde seu avô Tiberius (ainda jovem) é salvo por sua própria sequestradora, o que o faz desistir de negociar armas contra o povo dela, para alívio de Miguel O'Hara, que achava seu antepassado um babaca.



O Espetacular Homem-Aranha 10 - lendo um capítulo aleatório da saga Aranhaverso, achei bem legal a história, não pelo roteiro, com inimigos meio sem graça, mas pelas curiosas versões alternativas do Aranha, inclusive a inesperada participação do Homem-Aranha do seriado japonês de televisão, com seu robô gigante Leopardon!!! Spider-Gwen, versões do desenho animado ultimate, o Aranhamóvel, o Aranha 2099, Garota-Aranha, Miles Morales,  e um tio Ben com poderes de aranha, tem de tudo.




Spawn 100 - edição de outubro de 2001 - finalmente Spawn derrota Malebólgia, o demônio que o enganou no pacto que transformou Al Simmons na cria do inferno. Com a juda de Ângela e uma dica de Cagliostro, Spawn acessa o 8º círculo do inferno e depois da batalha, entrega a ferida Ângela às legiões do paraíso, onde se nega a entrar, ficando na Terra como seu protetor. Embora tudo aconteça meio convenientemente, é uma edição bem legal de se ler.





The Wicked + The Divine: Quadrinho britânico sobre deuses que se manifestam na Terra no corpo de jovens a cada 90 anos e morrem dois anos depois, sendo reunidos por uma anciã igualmente divina. No século XXI, assumem a identidade de celebridades e  ídolos adolescentes, alguns como músicos. Entre eles, Lúcifer, que acaba revelando seus poderes e acaba sob a mira de outros deuses e do departamento de justiça, sendo ajudada por uma fã. Deixa um link para uma continuação, sendo uma boa HQ, com arte competente e belas cores, mas nada revolucionário em termos de história.








Turma da Mônica Jovem 50 (O Casamento do Século) - uma bela visão do futuro de Cebola e Mônica, desde o pedido de casamento até um importante momento do casal, com boas piadas internas para os fãs da turma. Só enjoa mesmo os comentários de Ângelo (Anjinho, muito frufru). Mas é uma edição curiosa, e que certamente as meninas devem adorar! Mônica está muito magra e pescoçuda nos desenhos, mas em alguns quadros tem belos traços.




 


Os Vingadores 34 - (de 2016) prestes a começar mais uma megassaga que nem sei qual é, de tantas que a Marvel lança (acredito que seja a última "Guerras Secretas") caí de paraquedas e não entendi quase nada do que acontecia nesta edição: um Hulk de cabelo moicano, Reed Richards barbudo, Capitão Britânia caolho e Steve Rogers idoso prendem Tony Stark, com uma armadura branca, mas o Pantera Negra o liberta. Em seguida enfrentam a frota Shiar do Majestor Gladiador e perdem sua arma maior, mas Tony surge e... continua na próxima. Em Novos Vingadores, entendi menos ainda o contexto: Thorr? (sim com dois Rs), Hipérion e Estigma enfrentam alguns Beyonders de armadura?! Deixa assim, nem vou me esforçar... Mas gostei das duas histórias curtas, uma com o gavião Arqueiro reclamando do Bullying que sofre na equipe, e outra desenhada por Bruce Timm, adaptando a primeira história de Stan Lee para a Marvel, publicada em prosa originalmente na revista do Capitão América - edição comemorativa dos 75 anos da editora!





Guerra Infinita - Uma bela edição encadernada com a segunda parte da trilogia do infinito original, por Jim Starlin e Ron Lim. Com algumas diferenças na tradução - que não gostei - em comparação com a versão da antiga publicação. Algumas frases que pra mim já eram clássicas de tanto que li e reli. E também nos títulos (Manobras Catatônicas virou Manobras Crônicas ou Ctônicas, a fonte usada deixa a desejar, não é clara. E Rapsódias Nefárias - que virou título de um blog que ainda possuo, agora trocou a segunda palavra por Nefastas). A edição também trouxe 3 páginas cortadas pela editora Abril no último capítulo da série principal. Mas o grande atrativo para os fãs de Thanos e demais personagens envolvidos são as edições extras, publicadas em Warlock & The Infinity Watch e Marvel Comics Presents, onde aparecem eventos nos bastidores do conflito contra Magus. 







     Destaque para os diálogos de Thanos com Serpente da Lua e desta com Drax, a respeito de suas memórias familiares, e também a história que mostra Gamora sendo usada por Galactus para despertar Eternidade e Infinito, em que ela rememora fatos sórdidos de sua juventude, quando foi atacada, abusada e depois resgatada por Thanos, que lhe proveu de partes biônicas. Em capítulos curtos, "Eu, Thanos" mostra o personagem sendo convocado pela Senhora Morte para que esta se vingue de Warlock por ela, visto que se sente indignada por ter sido salva por ele em Desafio Infinito. Ela finalmente fala diretamente a Thanos, mas este, sem saber se foi apenas uma alucinação, prefere continuar trabalhando com Adam e não trair o universo, apesar das promessas de amor da Morte. Finalizando a edição, uma história publicada em Marvel Holiday Special 1993, que mostra mais um pouco do lado sentimental de Thanos, lembrando de quando Gamora era criança.












   Uma dúvida que ainda fico é sobre a sombra que aparece espreitando a Viúva Negra e a gata negra no hospital enquanto cuidavam do Homem-Aranha e do Gavião Arqueiro. Provavelmente deve ter sido explicado em algum crossover nas revistas mensais da época.



  

Batman 3 e 4, Batman: Vigilantes de Gotham 3, 4 e 5 - Boa fase do Homem-Morcego em 1997. Filho Pródigo: Dick Grayson era o Batman, depois de Jean Paul Valley ter ficado extremamente violento. Mas Bruce Wayne retorna com seu novo uniforme. Tim Drake é o Robin, lidando com suas limitações e sendo ensinado e avaliado por Dick, que volta a ser o Asa Noturna e depois, ajudando Bruce a enfrentar a Troika, uma tríade da máfia russa em Gotham, e também o KGBesta, enquanto lida com seus dilemas familiares e com a namorada Ariana. Azrael (Jean Paul Valley) foge da ordem de São Dumas com Lilhy, que cresceu confinada no castelo da seita, e seu amigo Brian, e encontram Rãs Al Ghul. Nestas edições ainda uma aventura com a Mulher-Gato em Paris outra com a Canário Negro agindo em Gotham.


















Juiz Dredd Megazine 9 – Dredd e a Juiza-Psi Karyn, adentram com uma equipe a cratera Ezra Pound, atrás de sobreviventes de um acidente com um aerobus. Lá encontram um rastro de carnificina deixado pelos Troggies, uma raça de monstros que vive na cidade abaixo de  Mega-City Um, e seu mestre, o Rei das Sombras, que acaba possuindo Dredd e depois Karyn. Área Cinzenta só traz diálogos de um soldado incitando xenófobos para uma rebelião. Choques Futuristas, traz um comercial de fogão inusitado, em duas páginas. E Nikolai Dante promove uma festa inacabável num hotel e acaba descobrindo que não tem como pagar, por isso, ataca outros hóspedes como o Ladrão Cavalheiro, mas acaba encontrando uma vítima sedenta por ter seus bens e virtudes roubadas pelo audacioso larápio!











Os Vingadores 31 e 32 – sem acompanhar a revista mensal, fica difícil entender o que se passa nessas edições. Wakanda teve uma cidade destruída, e Shuri pede a T’challa que se vingue de Namor, que faz parte da Cabala, grupo de Thanos, Corvus Glave, Próxima Meia-Noite e Máximus. Os Vingadores querem punir os Illuminati por algum crime, mas Reed os convence a trabalharem juntos pois algo está destruindo o multiverso. Hank Pym descobre que são os Beyonders. E em Vingadores: Milênio, Hulk e Feiticeira Escarlate vão para o futuro, enquanto Homem de Ferro, Viúva Negra e Homem-Aranha estão no Japão durante a Segunda Guerra Mundial e o Capitão América América e Mercúrio estão na época dos homens das cavernas. Deixa assim, nem quero ler mais!

 

Seleção Tex e Os Aventureiros 1   - Tex e Kit são raptados junto com um barco em uma ilha da América Central, por um pretenso conquistador, sem saber que um cientista carregava dinossauros junto com a carga. Um colega de Nathan Never conta uma aventura a um repórter, mas inverte os papéis para ficar cim uma imagem mais heróica. Um rapaz num trem aborda uma leitora de Mister No e imagina uma aventura ao lado do personagem. Martin Mystère conhece uma lenda em uma cidadezinha da Itália, que traz uma mensagem sobre o meio ambiente. Dylan Dog se depara com uma entidade que pune qualquer tipo de crime menor, grosseria ou falta de educação. Nick Raider relembra uma divertida aventura ao pegar um ladrão. E Zagor encontra o sorridente Joe, que descobriu que o dinheiro só lhe trouxe problemas e busca um modo de vida mais simples.


 


 O Espetacular Homem-Aranha 4 - o empresário Peter Parker está na China, e se vê às voltas com o Sr. Negativo e Manto e Adaga, com seus poderes invertidos, enquanto tenta organizar um evento e desmantelar o tráfico da droga Breu. E Miles Morales, o outro Homem-Aranha, tem sua identidade revelada por seu amigo Ganke ao mutante "Bolas Douradas" - sério que deixaram este nome mesmo?



Vertigo 16 - uma edição aleatória que ganhei, com várias séries em andamento, das quais as mais interessantes são Casa dos Mistérios e Hellblazer, embora a arte de Vikings seja bem bonita e Escalpo se destaque pela violência!



A Espada Selvagem de Conan 78 - Reedição de Abril de 1991, Fantástica história desenhada por John Buscema, "A Armadura de Zuulda Thaal", uma das poucas vezes que vemos Conan levando uma surra e demorando seis meses pra se recuperar e acabar com o jovem que usava a armadura encantada que o deixava invulnerável. Depois, uma história muda sobre sobrevivência e ainda uma galeria de arte com desenhos de Dave Simmons.




Deus Segundo Laerte - o primeiro volume de tiras dedicadas à divindade. ótimas tiras, as quais algumas me fizeram gargalhar! Genial!