20 de jul de 2013

Paródias da Turma da Mônica*



       Nas revistas da Turma da Mônica, é comum aparecer versões de filmes, seriados e outros fenômenos de mídia ou personalidades em evidência na época, como Lost, recentemente. Aparições de Homem-Aranho, Mulher-Maravilhosa e Batmão são frequentes. Predador, Arquivo X, todos já foram parodiados.

       Em Mônica 82 (Ed. Globo) temos a aventura Horacic Park, com uma versão divertidíssima do filme que era sucesso na época: Jurassic Park. Cebolinha banca o personagem de Sam Neil, Cascão o cientista interpretado por Jeff Goldblum e Franjinha é o reponsável pela “clonagem” de um gibi antigo. Fora outros momentos hilários.




      Cascão 179 (Ed. Globo) trouxe o personagem às voltas com um momento dramático nas HQ's da época; A Morte do Superomão. Cascão vai até a banca procurar a edição seguinte e não encontra, então inferniza Cebolinha até negociar suas coleções de tampinhas e figurinhas para poder ler antes dele. Depois de ler, conta o final da história, para desespero do amigo. As versões mostradas dos heróis são muito engraçadas, ainda mais que eles misturam tudo, Freddy Krueger, Esqueleto, etc.






        Já em Cascão 210 (Ed. Globo) o parodiado da vez é o Surfista Prateado, que aparece como Surfista Platinado herói preferido do Cascão por não surfar na água. Seu inimigo é o Momo Verde. O Surfista também foi parodiado em Mônica 10 (Ed. Panini) numa versão esverdeada com Horácio e Magalactus (Magali e Galactus).

 

      Lembro também que eu tinha uma revista em que, numa história do Astronauta, aparecia o Surfista Esverdeado cuja paixão era a própria prancha. Os dois personagens estavam solitários, pois o Astronauta há pouco tinha ido à Terra ver sua namorada Ritinha e descobriu que ela tinha cansado de esperar por ele e casado com outro, com quem tinha até filhos. Era bem legal, infelizmente não tenho nem ideia em que edição foi publicada. 


       Cebolinha 28 (Ed. Panini) traz não uma paródia, mas uma homenagem a vários personagens famosos, como Calvin, Popeye, Luluzinha, Charlie Brown, Flinstones, Asterix, Mickey e Donald, com versões de Cascão e Cebolinha nos traços característicos de cada um.


        Aproveito também que estamos perto do carnaval pra falar de Mônica 02 (Ed. Globo), edição rara que eu tenho, embora não esteja em condições muito boas, um dos primeiros gibis usados que comprei. Uma historinha que nunca esqueci – Guerreiro do Planeta Galo, um alienígena chega à Terra em pleno Carnaval e é confundido com um folião comum fantasiado; é levado até o Rei Momo para falar de seus planos de conquista, mas acaba caindo na farra. No fim volta pra casa e acredita que os terrestres vivem o tempo todo de carnaval, haha.


          Essas histórias que comentei são quase todas antigas, mas as referências continuam aparecendo nos gibis atuais, e em especiais que parodiam filmes e apresentam os personagens em versões diversas, como o Cebolinha como Lanterninha Verde, paródias de Star Wars e outros.



* Este post já havia sido publicado no antigo blog, mas aos poucos estou reaproveitando o material de lá...

Um comentário:

  1. muito boa matéria, também curto pra caramba as paródias da MSP...

    ResponderExcluir